Não leve "Como agarrar meu ex-namorado" a sério e divirta-se com Katherine Heigl

Quando será que vão deixar de dar nomes ridículos aos filmes americanos aqui no Brasil? A nova comédia de Katherine Heigl chegou aos cinemas brasileiros na última sexta (13) com o título "Como agarrar meu ex-namorado". O nome original é "One for the money", que traduzindo seria algo como "Nessa pela dinheiro", em uma adaptação livre, que tem muito mais a ver com a história do filme. Ao ler "Como agarrar meu ex-namorado" você logo imagina que irá assistir a mais uma comédia romântica, com as mesma fórmulas de sempre e um final batido. E não é bem assim.

Katherine Heigl deixou o seu tom loiro habitual de lado para viver a ruiva Stephanie Plum. Depois de um casamento fracassado, de perder o emprego e de confiscarem o seu carro, Plum não sabe mais o que fazer para quitar suas inúmeras dívidas. Desesperada e pressionada pelos pais, ela decide aceitar uma oportunidade em uma agência de caçadores de recompensa. Seu primeiro caso será encontrar um policial acusado de homicídio, Joe Morelli (Jason O'Mara). Seria fácil, se Morelli não fosse seu ex-namorado, que tirou sua virgindade aos 17 anos e nunca mais ligou. A busca se torna pessoal e perigosa, principalmente à medida que ela vai descobrindo mais sobre o caso e se envolvendo com bandidos poderosos.


O filme não é apenas uma comédia romântica. Porque, claro, ao ler essa breve sinopse acima, você já pensou: "Que sem graça. Claro que ela ficará com o cara no final." Entretanto, neste caso temos algumas diferenças bem significativas e que fazem com que "Como agarrar meu ex-namorado" não seja um péssimo filme. Sem deixar o romance de lado, o longa tem pitadas de humor e ação policial. A responsável por isso é a diretora Julie Anne Robinson, que tem experiência dirigindo episódios de vários seriados, como "2 Broke Girls", "Suburgatory" e "Grey's Anatomy", onde conheceu Katherine Heigl Devido a esse passado, Julie Anne consegue dar um ar de série investigativa para a comédia.





A história é baseada no primeiro volume de uma série de 20 livros sobre a personagem Stephanie Plum, escrito pela norte-americana Janet Evanovich. No EUA, os romances são um sucesso e a editora Rocco já trouxe os quatro primeiros volumes para o Brasil. O filme, no entanto, não deve seguir os mesmos passos do livro. Isso se deve bastante ao fato de o roteiro ter várias falhas. Há muitas lacunas, que deixam o espectador com a sensação de ter perdido alguma coisa. Por exemplo: como uma vendedora de lingerie se torna uma caçadora de fugitivos do dia para a noite e sem nenhum treinamento específico? Ou como ela consegue ter tanto acesso a Morelli enquanto a polícia não tem nem pistas do paradeiro do fugitivo?

As falhas acabam deixando a história com um ar meio exagerado. Em certos momentos você se pega dando risada da impossibilidade de alguns fatos acontecerem na vida real. Mas, se você olhar o filme como um policial isso talvez não seja um problema tão grande. Afinal, estamos cansados de ver longas que fazem sucessos em que o ator principal escapa de tiroteios sem levar um tiro, mata meio mundo com apenas uma arma ou explode um helicóptero com um carro. Comparando com estes casos, "Como agarrar meu ex-namorado" nem é tão mentiroso assim.


Mas além das boas sacadas de humor, o que salva o filme do fracasso total é a atuação de Katherine Heigl. Aliás, ela parece ter se acostumado com esse tipo de papel, que é bem parecido com o que fez ao lado de Ashton Kutcher, em "Par Perfeito". A Dr. Izzie de "Grey's Anatomy" consegue ser durona, engraçada e sexy ao mesmo tempo no papel da atrapalhada Plum. Com seus cabelos ruivos e enrolados, Heigl faz com que a personagem fique menos fantasiosa demais e ganhe um ar de ingenuidade que vai de encontro com a valentia demonstrada em algumas cenas mais perigosas.

Os dois atores que contracenam com Heigl só agregam mesmo para o público feminino, que agradece tanta beleza em apenas um longa. Jason O'Mara, mais conhecido pelos seus papéis na televisão, como em "Terra Nova", "Life on Mars" e "The Closer", é o ex-namorado de Plum. Mas ele não consegue ser nada além de bonito e sedutor. Jason deixa muito a desejar em sua atuação. Não há química entre Morelli e Plum. Já Ranger, um caçador profissional que auxilia Plum, só peca por aparecer de menos na história, o que, claro, não é culpa dele. O belo Daniel Sunjata, de "Grey's Anatomy" e "O Diabo Veste Prada", encara bem o inteligente e descolado caçador, mas some em momentos importantes da história.


O longa não exige muito da inteligência do espectador e evita cenas de ação previsíveis demais. Se você esquecer os exageros e não se preocupar com a veracidade dos fatos, "Como agarrar meu ex-namorado" pode ser uma agradável experiência para se assistir sem pretensão com um balde de pipoca no colo.
Não leve "Como agarrar meu ex-namorado" a sério e divirta-se com Katherine Heigl Não leve "Como agarrar meu ex-namorado" a sério e divirta-se com Katherine Heigl Reviewed by Mayara Munhoz on 14:46 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.